Theme Preview Rss

A natureza é o médico de Deus




Algumas coisas simples oferecidas pela natureza podem ajudar a trazer de volta a saúde de pessoas doentes:

1) Levar o doente para uma área verde o fará sentir-se mais animado e com o passar dos dias ele se esforçará para pegar uma flor e fazer uma caminhada. Isto porque é envolvido por uma atmosfera de paz,e o pulso febril torna-se mais calmo e regular.

2) Motiva-lo a respirar o ar puro exercitando inclusive os musculos abdominais, ajudará a recuperar a saúde e o vigor.

3) Uma forma tranquila de exercicio para o corpo e para a mente é cultivar uma horta ou um canteiro, isso destrai a mente afastando os pensamentos sobre os próprios sofrimentos.


Os excessos da vida moderna , enfraquecem e destroem as nossas energias, fisicas, mentais e espirituais por isso é sempre bom sair e passar um tempo no campo.


*baseado na leitura do capitulo Em contato com a natureza - A Ciência do bom viver

Comunicação Assertiva - Parte I

A Comunicação é importante em qualquer de nossos relacionamentos, e por isso com certeza é um dos pontos a serem estudados para quem quiser ser bem sucedido em qualquer aspecto da vida. Eu com certeza preciso melhorar alguns pontos na minha comunicação, principalmente a falada.

Pesquisando sobre o assunto descobri que a comunicação assertiva é apontada como uma das melhores formas de se exprimir. Vou colocar aqui neste post alguns pontos que eu aprendi sobre o assunto




A comunicação assertiva ajuda nos seguintes itens:

1) Contar aos outros nossas idéias, pensamentos e sentimentos.
2) Pedir as pessoas o que precisamos de forma direta e especifica.
3) Recusar aquilo que não queremos fazer sem ofender as pessoas.

Para ser uma pessoa assertiva você precisa acreditar nos seus direitos e apesar de se preocupar com os sentimentos dos outros, você não se sente totalmente responsável por eles. Você acredita que você deve cuidar dos seus sentimentos e ideias e que os outros farão o mesmo pelos deles. Você não pode ter medo das pessoas não gostarem de você e sim estar preparado para deixar as pessoas decidirem o que eles irão pensar de você.

A assertividade nem sempre é bem recebida, por isso é preciso ter coragem para colocá-la em prática. Porém a longo prazo os resultados da assertividade são todos positivos, incluindo melhor alta estima e melhores negociações com as pessoas daquilo que você deseja.

Abaixo algumas da técnicas da comunicação assertiva:

I) Persistencia: Quando você coloca uma necessidade para uma pessoa e ela não aceita, você continua insistindo mas sem responder aos argumentos da pessoa ou as suas manupulações, apenas repita o que deseja, sem alterar a voz, pedindo com calma, fazendo contato visual, numa posição reta e sem discutir o que está errado ou certo na situação.

Por exemplo: Querido eu preciso que você lave a louça. Ele responde: Eu estou cansado, eu lavei ontem, eu não gosto de lavar a louca e etc. Você responde: Eu realmente preciso que você lave a louça, você poderia por favor lavar a louça?

II) Empatia: Quando alguém faz algo de errado você pela primeira vez é afetado pelo que a pessoa fez, você assume que a intenção não foi ofender a você, mas mesmo assim você fala com ela e explica o seu ponto de vista, descreve o impacto negativo do comportamento, evitando acusações e deixa a pessoa decidir o que ela fará a respeito.

Uma forma de abordar seria: "Você provavelmente não percebeu que o seu comportamento causou o seguinte problema... Eu ficaria grata se isso não acontecesse novamente."

III) Indefinição: Ajuda você a sair de uma situação de critica, ou de conselhos não solicitados sem parecer que isso a importunou. Você concorda com os fatos, mas não se compromete a mudar ou aceitar as sugestões e nem se desculpa pelo ocorrido.
Ouça atentamente o que a pessoa disse, não mostre nenhum tipo de agressividade e antes de responder pense qual a melhor forma de abordar os comentarios sem admitir qualquer erro.

Por exemplo a pessoa fala que a sua mesa está uma bagunça e que não sabe como você consegue trabalhar dessa forma. Então você simplesmente responde: É verdade tem uma monte de coisas na minha mesa. E pronto, não fala mais nada.

O grande lance da assertividade é sair da teoria é colocar em prática, esta é uma luta que eu tenho comigo mesma.

*Outra coisa que eu quero fazer é uma figura para ilustrar este post e memorizar melhor, quando eu fizer eu publico.

Casamento - Segredos




Conselhos preciosos para aqueles que estão casados*:

1) Só onde existe um relacionamento feliz com a presença de Deus no casamento

2) Demonstrem amor mutuamente e tenham muita paciência um para com o outro.

3) Animem uns aos outros nos desafios da vida.

4) Procure cada um promover a felicidade do outro.

5) A família é um círculo sagrado, ninguém pode entrar, ou seja não compartilhem com os outros as confidencias que cabem apenas ao seu conjuge.

6) Dê sempre amor ao invés de exigir.

7) Procure sempre descobrir as qualidades do outro e não os defeitos. Quando descobri-las reconheça-as, é estimulante saber que alguém nos admira.

8) Cultive as suas qualidades para ser sempre um parceiro melhor para o outro, pois muitas vezes são nossas más atitudes que determinam o mal comportamento do outro.

9) Não reprima a corrente da simpatia, ou seja não contenha os seus impulsos amorosos. O amor não pode existir por muito tempo sem se exprimir.

10) Tenha cada um seu relacionamento pessoal com Deus.

11) Não tente mandar no outro, não existe apossibilidade de fazer isso e reter o amor.


*baseado na leitura do capitulo (Fundadores do lar do livro:A Ciência do bom viver)

Getting Things Done - Parte I

Getting Things Done



É um método para ter as tarefas e projetos em dia, fiz um resumo do livro:


Recolher: anotar tudo o que você tem na sua mente que você precisa executar, qualquer coisa grande ou pequena, pessoal ou impessoal, urgente ou menos importante que você acha que deveria estar diferente do status atual e que você tenha qualquer intenção de mudar. Assim que você atrela um deveria, precisaria ou gostaria a um item, ele está incompleto. Dicas: Qualquer ponto deve estar escrito, tenha o mínimo de repositórios possíveis e sempre esvazie os repositórios.
Processar: avaliar cada item. Quais precisam de uma ação? Quais são descartáveis? Quais são delegáveis? Apenas classifique cada item.





Organizar: colocar os itens e os materiais de suporte num sistema de confiança para que não tenhamos que nos lembrar de tudo. As tarefas vão para uma lista de tarefas, projetos para a lista de projetos, planos futuros para uma incubadora, informação de referência para um arquivo, etc. As organizações devem ser físicas.
• Projetos são diferentes de tarefas, projeto é tudo aquilo que precisa de mais uma tarefa para ser realizado. Como são duas coisas diferentes precisam ser geridos separadamente. Os projetos não precisam ser listados numa ordem especifica.

• Crie um sistema eficiente:
1) lista de tarefas ativas - próximas ação a serem finalizadas nos próximos dias.
2) lista de projetos ativos - projetos a finalizar nas próximas semanas/meses.
3) calendário - compromissos futuros com data e hora específica.
4) lista Um Dia/Talvez - ideias a explorar, mas não agora.
5) referência - informação ou documentos que podem ser importantes para consultas futuras.
6) esperar – outra pessoa pode fazer.

• Lista das próximas ações: escrever uma lista das próximas ações de cada item. Focar-se apenas na próxima ação física que pode ser feita e que leva o projeto/tarefa em frente. Esta ação pode ser procurar por alguma informação, fazer um telefonema, ou qualquer outra pequena atividade. Seja o que for, a conclusão dessa tarefa irá pô-lo um passo mais próximo da conclusão do seu projeto, por isso não se preocupe com tudo o resto – foque apenas naquilo que pode fazer agora.

Revisar: Verifique o seu calendário frequentemente e veja se tem um horário livre, se tiver encaixe algumas das atividades futuras. A lista de projetos, Um dia e de espera devem ser revistas semanalmente.
• Revisão semanal
1) Reunir e processar todas as coisas a fazer
2) Revisar o fluxo de trabalho
3) Atualizar sua lista

Executar: executar/finalizar as tarefas. Defina o que finalizado significa. Compromissos sem uma visão clara daquilo que “finalizado” significa é um grande problema - o nosso cérebro está desenhado naturalmente para nos ajudar a descobrir como fazer coisas, mas apenas se soubermos com o que se parece aquilo onde queremos chegar. Tudo aquilo em que trabalhamos deve ter um ponto de conclusão bem claro - um ponto onde sabemos que chegamos ao fim. Se não sabemos qual é esse ponto, vai ser difícil fazer qualquer progresso. Quando temos problemas em fazer progressos o primeiro passo é definir com o que se parece este ponto de conclusão